• Programa Primeiro Emprego
  • RH Bahia

Empresas Vinculadas:

  • Embasa
  • Agersa
  • Cerb

Recursos Hídricos

03/04/2018 10:04

Lauro de Freitas discute ações para o Rio Joanes

Hoje o mundo discute água. Por isso, o município de Lauro de Freitas debate até amanhã(04), no Centro Panamericano de Judô (CPJ), as ações em prol da Bahia do Rio Joanes. As contribuições do Governo da Bahia foram apresentadas pelo secretário de Infraestrutura Hídrica e Saneamento, Cássio Peixoto, que abordou aspectos ambientais, econômicos e sociais da Sihs durante o governo Rui Costa.

“Precisamos construir juntos uma política inter cidades para a criação de ações que promovam a melhoria da gestão das Águas em nosso Estado”, apontou Peixoto na manhã de hoje (03), informando que a secretaria concluiu, no último mês, o Plano de Abastecimento da Região Metropolitana de Salvador (Parms) e o Plano Urbanístico Vetor Ipitanga.

O Rio Joanes também integra o sistema de abastecimento de água de Salvador e por esta razão “a palavra de ordem é planejamento”. Segundo o secretário, a determinação e o apoio do Governador Rui Costa tem sido fundamentais para o sucesso das ações da Sihs. “ Temos que devolver a natureza para os espaços públicos, economia aos pescadores, deixar o rio limpo e a água em condições de potabilidade para as pessoas”, completou.

Na avaliação de Peixoto é necessário enfrentamento das principais questões que envolvem, entre outros aspectos, a pesca predatória, lançamento de esgotamento doméstico e resíduos químicos diretamente no Rio Joanes. “Diante deste cenário é imperativa a união dos pares para definição de ações permanentes”, disse o secretário, reforçando que foi o planejamento do Parms que apontou como uma das alternativas para o abastecimento de água, a reversão da Barragem de Santa Helena para o reservatório do Rio Joanes.

Outro ponto importante apresentado por Cássio Peixoto foram as obras de ampliação do sistema de esgotamento sanitário nos municípios situados na influência do Rio e os planos municipais de saneamento básico. “Cada município também pode contribuir com a elaboração de seus planos, moldados especificamente para a realidade local. Temos à disposição diversos profissionais para dar apoio técnico a esses planos e alguns já estão em andamento”.

Ainda estão previstas três etapas de obras de ampliação do sistema integrado de abastecimento de água de Salvador, incluindo cinco conjuntos elevatórios em Jacumirim, além da implantação de adutora de água bruta. “Todas essas ações constam no bojo do planejamento da Sihs e que passam a ser efetivamente executado pelo Governo Rui Costa”, finalizou.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.